Skip to content

All Star azuis

08/12/2010

Isa Soares

As pernas curtas parecem ser apenas um pouco maiores do que o espaço entre a cadeira que ocupa e a catraca por onde passam milhares de pessoas todos os dias.

Entre um ponto e outro, os All Star azuis nuns pés pequenos apoiam-se aonde daí a uns minutos alguém se vai encostar depois de ter passado o bilhete único na maquininha amarela.

Os cabelos moda anos 80 estão desalinhados e são ondulados. O desalinho parece sempre maior em cabelos ondulados. Não é à toa que aqui se chama “cabelo bom” ao cabelo liso. Os dentes de coelho num rosto redondo/quadrado, de olhos pouco expressivos, diria apáticos, compõem o quadro.

Mudou recentemente de percurso. Agora um pouco antes das cinco da tarde ocupa o lugar do cobrador do ônibus Parque Dom Pedro II.

De ontem para hoje, nada mudou. O mesmo silêncio, a mesma compreensão para com quem não tem R$2,70 para pagar a passagem, mas que ainda assim tenta a sua sorte com a cobradora dos cabelos desalinhados e dos pés pequenos dentro de uns All Star azuis.

As pernas curtas parecem ser apenas um pouco maiores do que o espaço entre a cadeira que ocupa e a catraca por onde passam milhares de pessoas todos os dias. 

Entre um ponto e outro, os All Star azuis nuns pés pequenos apoiam-se aonde daí a uns minutos alguém se vai encostar depois de ter passado o bilhete único na maquininha amarela.

Os cabelos moda anos 80 estão desalinhados e são ondulados. O desalinho parece sempre maior em cabelos ondulados. Não é à toa que aqui se chama “cabelo bom” ao cabelo liso. Os dentes de coelho num rosto redondo/quadrado, de olhos pouco expressivos, diria apáticos, compõe o quadro.

Mudou recentemente de percurso. Agora um pouco antes das 5 da tarde ocupa o lugar do cobrador do ónibus Parque Dom Pedro II.

De ontem para hoje, nada mudou. O mesmo silêncio, a mesma compreensão para com quem não tem R$2,70 para pagar a passagem, mas que ainda assim tenta a sua sorte com a cobradora dos cabelos desalinhados e dos pés pequenos dentro de uns All Star azuis.

 

Anúncios
One Comment leave one →
  1. Juliana permalink
    19/01/2011 16:21

    Parabéns, Isa! Gostei muito. Acho que em certo ponto, todos somos cobradoras de cabelos desalinhados tentando a sorte.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: